FAMÍLIA ESTELAR/SOMOS UM

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

O Momento de Nosso Reencontro se Aproxima

Mestre Adama por Adriano Pereira - 14/12/2016

Eu Sou Adama, de Agharta, e venho antecipar a todos que o momento de nosso reencontro se aproxima. Posso dizer que os ponteiros de vossos relógios giram velozmente, e pouco falta para o início de revelações que irão surpreender a todos sobre a crosta terrestre.

Aqueles dos Poderes Constituídos, que detém o poder sobre vosso planeta, já encontraram locais onde há cidades muito antigas, cuja origem vai além dos milhares de anos passados, e que estavam escondidas sobre imensas camadas de gelo do continente da Antarctica.

Encontraram estruturas intactas, redes de túneis, máquinas, veículos, aeronaves, além de artefatos diversos, que contém avançada tecnologia, bem como corpos congelados que identificam o tipo de ser humano que ali vivia.

Por hora, tudo está sendo escondido de todos, como sempre foi, e apenas poucos representantes daqueles que detém o poder tem tido acesso restrito ao local.

Entretanto, hoje sobre a Terra há muitas almas que vieram viver esta vida para ajudar na divulgação da verdade, e essas almas, estão sendo inspiradas a investigar - e estão encontrando - as provas necessárias para iniciar a divulgação, de forma que chegará o momento onde não mais será possível esconder a ampla verdade de todos.

Hoje no mundo da superfície há muitas e variadas frentes de luta, em todos os países, em todos os meios de suas sociedades, e sempre aqueles que representam a Luz encontram resistência violenta daqueles que representam os poderes constituídos das trevas.

Em todas essas frentes, os representantes da Luz seguem enfrentando caminhos áridos e tortuosos para avançar, e mesmo com todas as armadilhas utilizadas por aqueles das trevas, eles seguem avançando um pouco a cada dia.

Cada qual em seu serviço. Cada qual com sua tarefa. E todos ajudando a humanidade a se libertar desta escravidão milenar.

Como disse um antigo líder da segunda guerra, ‘nunca tantos deveram tanto a tão poucos’. Aqueles que representam a Luz não buscam reconhecimento, nem glória, nem prestígio. Eles são aqueles poucos que silenciosamente se sacrificam dia após dia, para manter a sua Luz, mesmo atacados pelas trevas, e assim, muitas vezes, esfarrapados, incompreendidos e feridos, seguem de todo seu coração irradiando a sua luz para todos.

Foi para isso que eles se voluntariaram antes de vir para a Terra. Para Ser e Viver na Luz. Está é a missão destas almas.

Há um grande plano divino para este planeta, e é com o esforço de todos que a Luz vencerá.

Aqueles dos Poderes Constituídos não permitem que nós de Agharta subamos livremente à superfície para nos confraternizarmos com nossos irmãos.

Mas o ponteiro do relógio avança ininterruptamente para o momento de Luz quando este encontro e reencontro se fará possível, para o bem e melhor de todos.

Eu Sou Adama, de Agharta.

http://mestresascensionados.blogspot.com.br/2016/12/mensagem-do-mestre-adama-de-agharta.html

https://aimoran.blogspot.com.br/2016/12/o-momento-de-nosso-reencontro-se.html